Skip to main navigation Skip to content

O renascimento do ícone de alta frequência: O novo LONGINES ULTRA-CHRON

Product

06/01/2022

A Longines vai lançar um novo modelo que é mais preciso que um cronómetro: O novo LONGINES ULTRA-CHRON, com uma frequência de 10 batidas por segundo. O novo movimento de alta-frequência garante maior precisão e beneficia da grande herança com mais de 100 anos da Longines de produção de movimentos de alta batida. Inspirado pelo Longines Ultra-Chron Diver original de 1968, este novo modelo reflete os códigos estéticos icónicos do seu antepassado e é extremamente resistente aos choques, aos arranhões e à pressão da água.
 

Em 1968, a Longines lançou o Ultra-Chron Diver, o primeiro relógio de mergulho a ser equipado com um movimento de alta frequência. Nessa altura, a Longines já era conhecida como uma pioneira das tecnologias de alta frequência. De facto, já em 1914, a marca da ampulheta alhada desenvolveu o seu primeiro dispositivo de cronometragem de alta frequência para medir com precisão um décimo de um segundo. Em 1959, a Longines desenvolveu o primeiro movimento de alta batida para um relógio, um cronómetro de observatório que estabeleceu novos recordes de precisão.
 

O novo Longines Ultra-Chron é inspirado pelos códigos estéticos e pelas caraterísticas de mergulho profissional do modelo de 1968. Contém uma luneta rotativa unidirecional e um fundo e coroa aparafusados. Também oferece uma excelente legibilidade, com estanquidade até 30 bares (300 metros).
 

A altamente reconhecível caixa de aço em forma almofada de 43 mm do Longines Ultra Chron contém uma luneta de mergulho que tem uma inserção de safira com detalhes luminescentes. O mostrador preto granulado apelativo contém um trajeto dos minutos branco com bastões alternados revestidos em Super-LumiNova® e apliques banhados a ródio.
 

O logótipo original Ultra-Chron é aplicado com orgulho no mostrador e gravado no fundo da caixa. O novo ultra-Chron tem um ponteiro dos minutos vermelho distintivo que, como o ponteiro das horas, está revestido com Super-LumiNova® para máxima legibilidade. 

 No centro do novo Longines Ultra-chron está o calibre L836.6, um movimento "interno" de alta frequência. Um relógio recebe a designação de "alta frequência" quando possui um movimento cuja mola espiral de silício oscila a 36 000 batidas por hora (10 batidas por segundo).

Estes movimentos, que a Longines desenvolveu em 1914 (para cronometrar um décimo de um segundo) e 1916 (para cronometrar um centésimo de um segundo), ajudaram a melhorar a cronometragem de precisão. A partir de 1959, a Longines faz uso dos movimentos de alta batida para aumentar a precisão dos seus relógios. Graças a uma redução dos efeitos incómodos dos choques ou de mudanças na posição do movimento, o movimento de alta batida prova ser mais estável.
 

A precisão do Longines Ultra-Chron é atestada pela sua certificação como um "ultra cronómetro" pelo TIMELAB, um laboratório de testagem independente em Genebra. Esta designação vai além da certificação "cronómetro" padrão. O processo de qualificação "ultra cronómetro" testa a cabeça do relógio e testa o produto final durante 15 dias, com o relógio a ser submetido a vários testes em 3 temperaturas (8ºC, 23ºC e 38ºC), para confirmar que obedece aos critérios rigorosos de precisão (norma ISO 3159:2009).
 

O Longines Ultra-Chron encontra-se disponível com uma bracelete em pele ou uma bracelete em aço e é entregue numa caixa de apresentação especial que contém uma bracelete NATO preta feita a partir de materiais reciclados.

O novo Ultra-Chron vai evocar uma resposta emocional de qualquer amante de relógios que seja apaixonado pelos relógios icónicos de uma das eras mais inovadoras na relojoaria. Também vai conquistar novos entusiastas que vão ficar entusiasmados por usar um pedaço da história relojoeira nos seus pulsos.

Calendário